Pela 1ª vez, RS pode atingir cem mortes pela Covid em três dias

Pela 1ª vez, RS pode atingir cem mortes pela Covid em três dias

Novo valor do salário mínimo começa a vigorar amanhã
Vestibular de Verão: UPF Carazinho oferece cinco cursos de graduação
Rio Grande do Sul tem 99 municípios em alerta ou alto risco de transmissão da dengue

Pela primeira vez desde o início da pandemia de coronavírus, o Rio Grande do Sul pode confirmar, nesta sexta, o registro de 100 óbitos pela Covid-19 em um intervalo de 72 horas, com base na data da notificação. O menor período até o momento, de quatro dias, se registrou duas vezes: entre as mortes de número 600 e 700, e 700 e 800.

Na noite dessa quinta, o levantamento realizado pela Rádio Guaíba contabilizou 894 pacientes que não resistiram à doença. A marca de 800 mortes é do fim da tarde de terça-feira.

Os óbitos mais recentes foram reportados nas cidades de Rio Grande e São Lourenço do Sul. Na primeira, duas mulheres, de 76 e 89 anos, tiveram as mortes confirmadas na noite dessa quinta. Já a segunda registrou a primeira fatalidade em razão da Covid – de uma mulher de 40.

Ao menos 24 das 894 mortes ainda não aparecem no relatório oficial divulgado pelo governo estadual, na tarde dessa quinta. O boletim epidemiológico confirmou um recorde de 45 óbitos novos de um dia para o outro. Mais de 37 mil pessoas contraíram a Covid-19, em 340 cidades gaúchas (86,5% do total).

*Gazeta

 

Os comentários de terceiros são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

COMENTÁRIOS

Enviar
1
Olá!
Olá!
Gostaria de pedir uma música!
Powered by