Governo divide RS em 20 regiões e coloca Lajeado e Passo Fundo em alerta

FOTO: Arquivo/PMPF

Governo divide RS em 20 regiões e coloca Lajeado e Passo Fundo em alerta

Ação de fiscalização notifica estabelecimentos de Não-Me-Toque que descumprem medidas da Quarentena
Primeira etapa do estudo da Covid-19 ocorreu no final de semana
Carazinho registra mais 4 casos positivos para coronavírus

O modelo de distanciamento social controlado que será anunciado nesta quinta-feira pelo governador Eduardo Leite deverá indicar que duas regiões do Estado já começam esta nova fase de enfrentamento da pandemia da Covid-19 no Rio Grande do Sul com bandeira vermelha.

No novo formato de trabalho, o Estado foi dividido em 20 regiões distintas, onde as regras de distanciamento social serão aplicadas de maneira independente a partir da classificação de cada área. Entre os critérios a serem avaliados estão aspectos como leitos de UTIs e número de contaminados.

As regiões de Passo Fundo e Lajeado já estão classificadas com bandeira vermelha. Os municípios são, respectivamente, as cidades com o segundo e o terceiro maior número de diagnósticos positivos para a Covid-19 no RS. Segundo o governo, essas áreas precisam de maior atenção para evitar que a doença se propague e a capacidade de atendimento acabe se esgotando.

Somente nesta quarta-feira, Lajeado reportou mais 21 casos da doença e Passo Fundo outros cinco. Até agora, são 11 mortes em Passo Fundo e quatro em Lajeado.

O esquema de bandeiras a ser apresentado nesta quinta-feira também deve sofrer uma alteração do que foi inicialmente planejado. A verde não será mais utilizada. Serão abordadas as cores amarelo, laranja, vermelho e preta. A divulgação sobre qual bandeira passa a ser adotada por cada região será semanal, aos sábados, mas a captação dos dados sobre a situação de cada local será diária.

Outras nove regiões já iniciam o novo modelo na bandeira laranja, são elas Santa Maria, Novo Hamburgo, Canoas, Porto Alegre, Palmeiras da Missões, Erechim, Pelotas, Caxias do Sul e Santa Cruz do Sul.

A apresentação está marcada para as 14h desta quinta-feira, quando Leite deverá detalhar o modelo do novo decreto a ser assinado. Já o distanciamento controlado será anunciado oficialmente em 5 de maio. Até o dia 2, entidades poderão apresentar contribuições.

*Correio do Povo

COMENTÁRIOS

Enviar
1
Olá!
Olá!
Gostaria de pedir uma música!
Powered by