Bolsonaro diz que há brecha para elevar salário mínimo e recompor inflação

FOTO: Adriano Machado/Reuters

Bolsonaro diz que há brecha para elevar salário mínimo e recompor inflação

Tarde de colheita avalia desempenho das cultivares em Tio Hugo
Resultado do Enem 2016 está disponível na internet
Stara anuncia investimento de R$70 milhões nos próximos dois anos

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira (14) que há brecha orçamentária para um novo aumento do salário mínimo que pelo menos recomponha a inflação do ano passado. Na entrada do Palácio do Alvorada, onde cumprimentou um grupo de eleitores, ele disse que tratará do tema com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e ressaltou que o aumento de preços em dezembro foi atípico por causa da alta na carne.

— Eu vou me reunir com o Paulo Guedes agora à tarde e acho que tem brecha para a gente atender aí, porque a inflação de dezembro foi atípica por causa do preço da carne — disse.

Para este ano, foi autorizado um salário mínimo de R$ 1.039, que considerou uma inflação mais baixa do que a anunciada oficialmente na semana passada. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 2019, que ficou em 4,48%.

Pelo cálculo usado pela equipe econômica, que parte de R$ 999,91 ao considerar um resíduo de inflação de 2018, o valor chegaria a R$ 1.044,70, que, arredondado, seria de R$ 1.045.

— A ideia é, no mínimo (recompor), né. A cada R$ 1 no salário mínimo são mais ou menos R$ 300 milhões no orçamento. A barra é pesada, mas apesar de ser pouco o aumento, de R$ 4 ou R$ 5, a gente tem que recompor — ressaltou.

Na conversa com a imprensa, o presidente voltou a defender propostas de reformas tributária e administrativa que sejam possíveis de serem aprovadas sem causar atrito com o Poder Legislativo. Ele disse acreditar que nenhuma das duas enfrentará grandes dificuldades no Congresso.

— A minha ideia é fazer da melhor maneira possível, que ela possa ser aprovada sem muito atrito. Essa que é a ideia — disse. — O Congresso, no meu entender, está bastante consciente disso. Eu acredito que não tenhamos grandes dificuldades se apresentarmos uma boa proposta — acrescentou.

*Gaúcha ZH. 
Os comentários de terceiros são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

COMENTÁRIOS

Enviar
1
Olá!
Olá!
Gostaria de pedir uma música!
Powered by