Mais de 10 mil celulares roubados ou falsificados são bloqueados no Rio Grande do Sul, diz Anatel

Mais de 10 mil celulares roubados ou falsificados são bloqueados no Rio Grande do Sul, diz Anatel

Litro da gasolina passa de R$ 5 no interior do Rio Grande do Sul
“Eu poderia ter fugido, mas não quis”, diz Lula
Hoje é o último dia para pagar o IPVA 2020 com desconto máximo de 24,9%

Em três meses, a Agência Nacional das Telecomunicações (Anatel) bloqueou 10.716 telefones celulares no Rio Grande do Sul. São aparelhos roubados, furtados ou falsificados, de dezembro de 2018 a fevereiro de 2019.

Desde dezembro do ano passado a agência vem bloqueando os celulares com IMEI não cadastrado, ou seja, irregulares. Quem estiver usando um desses aparelhos recebe mensagens avisando sobre a situação.

Na primeira, a operadora avisa que o celular está irregular e não funcionará em 75 dias. A segunda alerta que o bloqueio acontecerá em 50 dias. A terceira lembra que o celular será desconectado em 25 dias. E na véspera do telefone ser desativado, chega mais uma mensagem, que informa que o celular é irregular e deixará de funcionar.

A Polícia Civil informa que no primeiro trimestre do ano, foram roubados ou furtados 1.126 aparelhos no Rio Grande do Sul, o que significa 6,32% a menos do que o mesmo período do ano passado.

A orientação da Polícia em caso de furto ou roubo é ligar para a operadora e pedir bloqueio da linha, além de registrar boletim de ocorrência o quanto antes. O diretor da Delegacia Regional de Porto Alegre, Fernando Soares, lembra que a vítima precisa ter em mãos o CPF e o número IMEI do aparelho.

O IMEI é o número de identificação do celular, único para cada aparelho. Para consultar o IMEI, basta checar atrás da bateria, ou digitar *#06# e clicar para fazer a chamada.

A professora Rita Maria Rocha tomou nota de seu IMEI para usá-lo em caso de necessidade. “Eu tenho anotado aquele número, sei que se precisar, corro na delegacia e digo o número para as pessoas”, afirma.

*RBS TV 
Os comentários de terceiros são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

COMENTÁRIOS

Enviar
1
Olá!
Olá!
Gostaria de pedir uma música!
Powered by