Vice-prefeito de Agudo é preso por suspeita de fraude em licitação

Vice-prefeito de Agudo é preso por suspeita de fraude em licitação

Ex-prefeito de Victor Graeff Flavio Lammel pede desfiliação do PDT
Ao menos 15 trechos de rodovias no RS estão com bloqueios em razão do temporal
Novo decreto libera atividades esportivas no Estado

O vice-prefeito de Agudo Moisés Killian foi preso preventivamente nesta quarta-feira durante operação que investiga uma organização criminosa estruturada dentro da prefeitura. Ele e outras quatro pessoas, que não tiveram identidade revelada, são alvos da operação Fogo Fátuo, da Polícia Civil.

 Até o momento cinco pessoas foram presas. Os policiais cumprem ainda 35 mandados de busca e apreensão e nove de bloqueios de aditivos e indisponibilidade de bens. A ofensiva ocorre em Agudo, Santa Maria, Cachoeira do Sul, Canoas e Porto Alegre.

 Segundo os Delegados André Lobo Anicet e Max Otto Ritter, as investigações duraram aproximadamente um ano, visando à desarticulação de uma organização criminosa estruturada no Município de Agudo, pelo menos desde o ano de 2012, com atuação dentro da Prefeitura, a partir da Secretaria Municipal de Obras, formada pelo vice-prefeito, seus assessores e motoristas, em conluio com empresários do ramo de máquinas e peças.

 A Polícia Civil obteve dados indicando possível fraude a procedimentos licitatórios, através da combinação de valores e fracionamento das compras, buscando enquadramento nos limites legais de dispensa de licitação. Eram solicitadas notas fiscais com valores superfaturados, visando ao desvio de recursos públicos. O prejuízo estimado, considerando-se apenas os exercícios financeiros de 2015 e 2016, conforme auditorias do Tribunal de Contas do Estado, pode atingir R$ 1,1 milhão.

 Procurada pela reportagem, a prefeitura de Agudo informou que os secretários estão reunidos para tratar do assunto e que um posicionamento oficial sobre a operação será dado apenas à tarde.

FONTE: Correio do Povo

Os comentários de terceiros são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

COMENTÁRIOS

Enviar
1
Olá!
Olá!
Gostaria de pedir uma música!
Powered by