Mais de 100 mil motoristas correm o risco e perder o direito de dirigir no RS

Mais de 100 mil motoristas correm o risco e perder o direito de dirigir no RS

Homem é preso após furtar ambulância e sofrer acidente durante fuga
Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 2,5 milhões de reais
Mercado de suínos está estável este ano

O Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (Detran/RS) registrou aumento de 67% no número de processos abertos para suspender ou cassar o direito de dirigir de condutores infratores.

Em 2016, foram 100.194, contra 59.908 em 2015. Em 2014, foram instaurados 38.084 processos.

No último ano, foram cassadas 9,2 mil Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) no estado. A cassação ocorre em três situações: quando o condutor que estava com direito de dirigir suspenso é flagrado dirigindo sem a habilitação, quando é condenado judicialmente por algum delito de trânsito ou quando é reincidente no prazo de doze meses.

O órgão acredita que o aumento da fiscalização e das punições para motoristas contribuíram para a redução no número de acidentes e de mortes. Os números, até dezembro de 2016, contabilizam 1.673 vítimas fatais no trânsito no estado, contra 1.735 registradas em 2015.

“Aplicar as penalidades de suspensão e cassação da CNH é uma forma de mudar o comportamento do condutor infrator e, consequentemente, de proporcionar um trânsito mais seguro à sociedade”, declara o chefe da Divisão de Suspensão e Cassação de Condutores do órgão, Anderson Barcellos.

Fonte: G1

Os comentários de terceiros são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

COMENTÁRIOS

Enviar
1
Olá!
Olá!
Gostaria de pedir uma música!
Powered by